Abscesso dentário é um sinal de infecção bucal

O abscesso dentário é caracterizado pelo acúmulo de pús, um líquido de cor branco-avermelhado contendo glóbulos brancos vivos ou mortos, tecido morto e bactérias, devido à uma desintegração de tecidos.

Infecção com abcesso apresenta acúmulo de pus, dor local e até mesmo dor de ouvido. Seu tratamento é de máxima urgência

O abcesso dental aparece quando uma área de tecido é infectada, mas o organismo não consegue acabar com a fonte e a infecção se dissemina.

No caso dos dentes, o abscesso pode ser resultado de um agravamento da cárie dentária, doença periodontal, trauma dental, de uma inflamação e infecção no osso ou então nos canais do dente.

Aberturas no esmalte do dente, principalmente por causa de cáries, permitem que bactérias infectem a área do canal (polpa) e dessa forma, a infecção pode atacar, inicialmente, a raiz do dente e se propagar até os ossos.

O abcesso dentário causado por um problema de canal ou dente quebrado aparece como uma bolha na gengiva, que corresponde à ponta do dente (ápice).

Sintomas do abcesso dentário

Os sintomas mais conhecidos do abscesso são: dor no local, latejamento, vermelhidão e/ou ponto amarelado na gengiva, uma bolha, dor de ouvido e febre. Também pode haver inchaço dos gânglios (íngua), inchaço no rosto e outras regiões como o pescoço e abaixo da mandíbula. É comum a pessoa pode sentir um gosto ruim na boca, mau cheiro e mau hálito.

Implantes dentários e enxertos ósseos podem apresentar abcessos dentários ?

Implantes dentários e enxertos ósseos não apresentam abcesso dentário e pús quando estão cicatrizando normalmente e estão saudáveis.

Porém em algumas situações, pode aparecer pús em enxertos e implantes. Caso o abcesso ocorra, pode indicar uma contaminação da superfície do implante, do osso ao redor ou do enxerto ósseo.

O implantodontista então deverá agir para cortar essa infecção que pode acabar levando à perda do implante dentário ou enxerto, por uma cicatrização ruim.

Na maioria dos casos bastará tomar antibióticos e o abcesso irá sumir, porém em outros casos será necessário remover o implante dentário ou então pelo menos um pouco do enxerto ósseo dentário.

Durante a cicatrização de uma cirurgia oral como na de enxertos ósseos e implante dentário, pode haver a formação de uma camada branca na gengiva que não é pús. Trata-se da casquinha de proteção da ferida que na boca é branca e sobretudo não deve ser removida !

A imagem escura na ponta do dente na radiografia representa um abcesso dentário causado por um dente cariado.

Em quais casos nos quais podem aparecer abcessos

Algumas vezes após um enxerto ósseo dentário podem sair grânulos brancos que são excedentes do procedimento de enxertia. Esses grãozinhos não são abcessos nem pus e podem ser expelidos por semanas ou meses após o procedimento.

Tratamento para abscesso dentário

Para tratar o caso, a maior recomendação é procurar o dentista e iniciar os devidos procedimentos. Normalmente, o tratamento do abscesso tem início com a abertura do canal do dente ou então com uma extração, seguido de prescrição de medicamento e controle do foco da infecção.

Não é possível tratar um caso de abscesso somente com medicamentos, sempre é necessária a intervenção profissional. Seu tratamento é de máxima urgência para dessa maneira evitar o espalhamento da infecção pelo organismo e complicações mais sérias.

Se ficou com alguma dúvida sobre abscesso dentário, entre em contato conosco ou então agende uma consulta com a nossa equipe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright ImplArt Odontologia 2009 - 2020

CRO-SP 9993 

Resp. Tec. Dr. Roberto A Markarian CRO-SP 73.583

 

R. Cincinato Braga, 37 - conj. 112

Bela Vista - São Paulo-SP - Brasil

CEP 01333-011