As principais causas de erro do dentista no tratamento dentário

O que fazer quando uma pessoa sente que houve erro em um tratamento odontológico?

Será que o dentista errou meu tratamento?

Quando um dentista especialista presta um atendimento, utiliza-se de sua formação e conhecimentos adquiridos para de alcançar os melhores resultados estéticos e funcionais dentro das possibilidades de cada caso. Portanto, o cirurgião-dentista deve avaliar bem o paciente clinicamente e ouvir seu histórico para ajudar no diagnóstico e suas expectativas com relação ao resultado do tratamento, e dessa forma oferecer um tratamento adequando e para que o paciente sinta confiança em sua proposta.

Relação de confiança entre dentista e paciente

A avaliação criteriosa é importante para mostrar de forma clara as alternativas de tratamentos que alcancem resultados mais próximos, rápidos e possíveis do esperado (pelo dentista e pelo paciente). No entanto, como em tratamentos médicos, procedimentos odontológicos também podem passar por intercorrências ou não alcançarem o resultado esperado.

Algumas vezes por falha técnicas profissionais, porém na maioria das outras vezes ocorrem reações que fogem do controle profissional, mesmo aplicando as melhores técnicas. A frustração com o resultado obtido ou então com intercorrências podem desgastar o relacionamento médico-paciente, esgarçando a relação de confiança.

Como evitar erros em um tratamento odontológico?

Acredite, os problemas que surgem durante ou após um tratamento odontológico mal sucedido não são desejados por ninguém, nem pelo dentista e principalmente pelo paciente. O fato é que dentista investiu tempo e dinheiro em sua formação e aperfeiçoamento e jamais trabalharia para prejudicar deliberadamente ao paciente, e por consequência sua carreira profissional.

Uma boa dica seria que o paciente procure sempre uma clínica odontológica com dentistas especialistas!

Muitos ainda não sabem que a odontologia evoluiu muito nos últimos anos, tornando-se similarmente à medicina, na qual cada profissional só pratica uma ou poucas especialidades. Este raciocínio é melhor e mais eficiente pois, inegavelmente, ninguém consegue ser bom em tudo, e a odontologia exige muito conhecimento e treinamento! Conheça a seguir as principais especialidades da Odontologia e alguns potenciais problemas envolvidos nos tratamentos.

Os principais erros em Endodontia (canais)

O endodontista faz o tratamento e controle das alterações dos canais dentários e seus nervos. Realizar na maioria dos casos tratamentos de canal, retratamentos e consertos de fraturas dentarias. Os erros em tratamentos de canal podem acontecer por falta de técnica profissional ou também porque muitos dentes são difíceis de tratar ou tem trincas internas intratáveis que indicam o implante dentário.

Problemas nos tratamentos de gengiva

O periodontista estuda as doenças gengivais e periodontais (ao redor do dente). Realiza a prevenção e controle da gengivite e periodontite e também pode realizar procedimentos como o implante dental, enxertos ósseos e de gengiva. A periodontia é uma ciência odontológica com bastante grau de incerteza com relação ao resultado que pode se confundir com erro do periodontista. Isto porque não só basta o periodontista realizar o tratamento, mas também que o corpo assimile os resultados, dentro de um ambiente contaminado que é a boca humana.

gengiva sangrando
Gengiva sangrando é sinal de gengivite (não é normal)

A prótese dentária e seus problemas

A reabilitação oral estuda a recuperação de dentes comprometidos, e o preenchimento dos espaços vazios de forma estética e funcional por meio de peças elaboradas externamente (prótese dentária). O especialista em prótese dentária é o protesista. A prótese dentária é uma ciência complexa e exige grande conhecimento do dentista. Nas próteses dentárias podem haver erros em quesitos estéticos, mastigatórios (oclusão funcional), de encaixe da prótese, de durabilidade (fraturas ou desgastes), biológicos (aceitação pelo corpo humano).

Dica: para evitar erros em próteses dentárias prefira um tratamento com um especialista, de preferencia que utilize técnicas de ODONTOLOGIA DIGITAL. Além disso converse o tempo todo com o dentista sobre suas sensações para que o profissional receba um feedback. No final, se não der certo, uma nova prótese dentária normalmente pode ser feita.

Falhas em Ortodontia e aparelhos dentários

O Ortodontista corrige o posicionamento de dentes, melhorando o encaixe entre os arcos dentários, utilizando aparelhos ortodônticos que podem ser móveis (alinhadores invisíveis) ou fixos aos dentes. A maioria dos erros em tratamentos com aparelho que presenciamos tem a ver com algum dos fatores a seguir:

  • Uso de aparelhos de má qualidade ou piratas; tratamento feito por dentistas sem especialização em Ortodontia (Ortodontista);
  • Falta de análise prévia da qualidade das raízes que se apresentavam doenças gengivais ou periodontais;
  • Falta de acompanhamento por um protesista / implantodontista que poderá prever um futuro implante associado.

Dica: consulte sempre um dentista especializado e utilize aparelhos de boa marca e procedência.

erros em aparelho dentario
Aparelho dentário fixo com problemas de planejamento e execução

Problemas nos implantes dentários

O especialista que faz implantes de dentes chama-se Implantodontista. O Implantodontista projeta a substituição de dentes perdidos por meio de pinos instalados dentro do osso que servem de apoio fixo para uma prótese dentária. As próteses para implantes podem ser individuais, parciais, prótese totais (arcada toda – todos os dentes), próteses fixas ou próteses móveis. A atuação do especialista em implantes abrange tanto a parte da cirurgia de instalação dos implantes dentários ou enxertos ósseos dentários, como da elaboração dos dentes (próteses dentárias). Os principais problemas na implantodontia estão relacionados a um dos fatores a seguir:

Rejeição do implante dentário por fatores do paciente ou da técnica; Doenças pré existentes do paciente como diabetes; O hábito do fumo prejudica os implantes; próteses dentárias finais fora da expectativa do paciente; defeitos ou problemas ósseos e gengivais associados aos implantes; problemas funcionais de mastigação; falta de adaptação do paciente aos implantes.

Dica: os melhores implantes dentários e materiais para enxertos ou para as próteses dentárias finais podem custar um pouco mais financeiramente mas de fato garantem o acesso a uma melhor tecnologia com mais chance de sucesso e com mais estética!

implante dentario quebrado
Implante Dentário quebrado

Converse sempre com seu dentista!

Quando um paciente acredita que o dentista errou no seu tratamento, portanto a primeira conduta deve ser conversar com seu dentista pois na maioria dos casos, houve algum problema de comunicação entre o dentista-paciente. Além disso, sem dúvidas ele é a pessoa mais interessada em entender o que houve e buscar uma solução para o caso. Porém, na falta de segurança com este profissional, a pessoa pode também procurar a opinião de outro dentista, isso é perfeitamente normal e aceitável.

Portanto se precisar de uma segunda opinião sobre seu caso, fale conosco, teremos prazer em atendê-lo, sanar suas dúvidas e propor um plano de tratamento, valores e opções de orçamento.

Em caso de dúvidas, entre em contato conosco ou então agende sua consulta.

Agende sua consulta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright ImplArt Odontologia 2009 - 2020

CRO-SP 9993 

 

R. Cincinato Braga, 37 - conj. 112

Bela Vista - São Paulo-SP - Brasil

CEP 01333-011