Fico sem prótese durante enxerto dentario?

Antes de responder à esta pergunta, é necessário explicar que existem diferentes técnicas de enxerto ósseo, cada uma com sua complexidade e extensão. Isso influi diretamente nas orientações do período pós operatório e no tempo de recuperação.

O enxerto dentario para permitir a colocação de apenas um implante, em que o paciente possui dentes para serem utilizados como suporte da prótese, não é igual ao enxerto em bloco para colocação de vários implantes em uma arcada completa, que é considerado mais complexo.

Porém, em muitos casos, é possível fixar uma prótese provisória em resina, adequada para ajudar a recuperação e cicatrização do enxerto, e também permitir que o paciente não fique sem dentes durante todo o tratamento.

Após o período de recuperação a prótese provisória é substituída pela prótese definitiva confeccionada com o material escolhido em conjunto pelo paciente e o dentista (resina, metalocerâmica ou em zircônia totalmente estética).

Leia sobre implantes sem enxerto

Tipos de enxerto dentario

Enxerto Particulado

O enxerto particulado é utilizado em pequenas reconstruções, como o preenchimento de um local em que houve perda óssea ou na técnica de levantamento de seio maxilar. Os biomateriais utilizados em enxerto ósseo particulado são implantados para substituir ou reparar tecidos atrofiados. Podem ser de origem natural (pequena quantidade de osso humano triturado, proveniente do próprio paciente ou de banco de tecidos para transplantes, ou ainda osso bovino liofilizado em pó).

O enxerto particulado também pode ser de material sintético produzido em laboratório, totalmente biocompatível com propriedades osteocondutivas (atração de células formadoras de tecido ósseo) ou materiais vítreos sintéticos (hidroxiapatita sintética).

O enxerto particulado é depositado no local e em seguida recoberto por uma membrana de colágeno. Em casos favoráveis, o implante dentário pode ser colocado no mesmo dia que o enxerto, em seguida uma prótese provisória.

Enxerto em Bloco

Técnica indicada para reconstruções mais extensas. O enxerto com formato de bloco pode ser retirado de outra região do corpo do próprio paciente. Quando há necessidade de apenas um bloco, ele pode ser retirado da mandíbula.

Quando necessita de mais blocos, podem ser retirados da bacia ou da calota craniana. Nenhum dos locais doadores sofrem consequências por perda de osso. Os blocos são fixados no maxilar com parafusos de titânio e dessa maneira permitirão a colocação de mais implantes dentários. A possibilidade de utilização de prótese nesse tipo de enxerto é portanto avaliada caso a caso.

A ImplArt Odontologia possui vasta experiência em técnicas de enxerto ósseo. Se você ficou com alguma dúvida, entre em contato conosco ou então agende sua consulta.

bloco, colocação, como, enxerto, mais, maxilar, não, ósseo, osso, paciente, para, particulado, perda, pode, podem, prótese, provisória, recuperação, técnica, utilizados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Resp. Técn. Dr. Roberto Markarian - CRO SP 73.583
Endereço
Rua Cincinato Braga, 37 - 11º andar - cj. 112
Bela Vista - São Paulo/SP CEP 01333-011
Telefones
Copyright ImplArt Odontologia 2009 - 2019.