Warning: Undefined array key "titleWrapper" in /var/www/implart.com.br/public/wp-content/plugins/seo-by-rank-math/includes/modules/schema/blocks/toc/class-block-toc.php on line 103
Skip to main content
tratamento endodontico canal 50kb 99e7b2d0

Vale a pena fazer tratamento endodôntico para salvar um dente?

A resposta para essa pergunta é: depende. O tratamento endodôntico, popularmente chamado de tratamento de canal, muitas vezes é o único recurso para salvar um dente, conduta adotada pela maioria dos dentistas. Mas a indicação do canal depende de o quanto este dente está comprometido. O profissional deve sempre se guiar pelo procedimento que é melhor para manter a saúde e a estética dental. Em alguns casos pode ser feita a recomendação de extração e implante dentario.

Mas saiba que, sempre que for possível manter um dente, os esforços atuais são para sua preservação. O implante dentário deverá ser recomendado quando o dente não tiver mais condições de ser mantido.

E mesmo que haja a recomendação de implante dentario, fique tranquilo, pois atualmente as técnicas são muito modernas e eficientes. O paciente tem diversas opções de implantes para sua escolha. Desde os implantes rápidos, da marca Straumann, até implantes curtos, em regiões com pouca estrutura óssea. Ou mesmo o implante cerâmico, único implante sem metal.

Quando é preciso fazer tratamento endodôntico? Existe alguma alternativa?

Uma coisa é certa: quando um cirurgião dentista indica o tratamento endodôntico, é porque ele identificou que esse pode ser o único e último recurso para manter este dente na sua boca. Caso contrário, o dente estará condenado e precisará ser extraído em breve, e o implante dentário será colocado no lugar. Neste sentido, é recomendado que os implantes dentarios sejam colocado em sequencia da extração para evitar que haja movimentação dos dentes vizinhos.

Caso o paciente opte por não tratar o canal após a recomendação profissional, poderão ocorrer dores de dente, gosto ruim na boca, mau hálito, gengiva inchada e sangrando, presença de pus, e até comprometimento da estética do sorriso. Além disso, como citado anteriormente, o comprometimento dental continuará, levando o caso para o próximo estágio, com extração e implantes.

carie tratamento canal 50kb

Isto porque o tratamento de canal na maioria das vezes é indicado para os casos de dentes com cárie profunda, que é uma deterioração causada por bactérias. Em casos avançados, o buraco da cárie permite a entrada de bactérias para o interior do dente, infectando a polpa, que é uma área sensível e deveria estar sempre protegida. A gengiva fica inchada e sangrando.

 

Quando o tratamento endodôntico é indicado ?

Isto porque o tratamento de canal na maioria das vezes é indicado para os casos de dentes com cárie profunda, que é uma deterioração causada por bactérias. Em casos avançados, o buraco da cárie permite a entrada de bactérias para o interior do dente, infectando a polpa, que é uma área sensível e deveria estar sempre protegida. A gengiva fica inchada e sangrando.

O tratamento endodôntico passo a passo

A maioria dos dentistas opta por manter um dente sempre que isso é possível, por isso não abre mão de um procedimento como o tratamento de canal quando é necessário. Para saber se vale a pena investir, o cirurgião dentista precisa avaliar bem o dente. Interferem nesta decisão alguns aspectos como: grau de comprometimento pela cárie, qual é o elemento dentário e se há infecção no osso, entre outros.

tratamento de canal 49kb

O procedimento é um pouco mais complexo do que a imagem acima sugere, mas poderíamos resumir o tratamento endodôntico em três partes:

1 – Abertura do dente, removendo esmalte e dentina infectados;

2 – Remoção da polpa dentária doente ou morta e limagem dos canais;

3 – Preenchimento dos canais e fechamento com a coroa protética. A coroa pode ser cimentada sobre o dente preparado (quando ainda há um bom remanescente dental), ou fixado com pinos de reforço inseridos nos canais, geralmente em fibra de vidro ou em metal.

Peças estéticas que reproduzem as características naturais dos seus dentes

As coroas ou onlays para fechamento do dente com canal tratado são bastante resistentes e estéticas. Antigamente eram usadas amalgamas metálicas para restaurar o formato dente, mas não era capaz de reproduzir a tonalidade do dentes. Coroas e onlays de porcelana são planejadas por meio de computação gráfica e fabricadas em impressoras 3D de dentes. Essas peças ficam com cor e formato idênticos aos dentes naturais, sem pontos metálicos e escuros que afetam o visual do seu sorriso.

onlay porcelana 50kb
Onlays de cerâmica fabricadas em impressoras 3D
Coroas metal free (livre de metais) para fechamento do dente após tratamento de canal (tratamento endodôntico)

O planejamento e produção de coroa dentaria, ou bloco pode porcelana, as chamadas onlays, serão recomendadas de modo a oferecer resistência ao dente que recebeu o tratamento endodôntico. Poderão ser recomendadas diversos tipos de coroas dentarias e os sistemas computadorizados 3D, deixam o tratamento muito mais rápido e preciso. Com esses modernos recursos, o tratamento de canal é realizado não apenas para manter um dente na sua boca, mas também restaurar sua forma e cor, deixando-o muito semelhante ao que era originalmente.

Importante destacar ainda que, os dentes que recebem tratamentos de canal precisam receber um núcleo intrarradicular. O núcleo dentário é importante para dar suporte e resistência à coroa de porcelana ou zirconia dentária. Se a coroa fosse instalada sem um núcleo, a prótese provavelmente não seria capaz de suportar o esforço mastigatório e consequentemente sua duração seria menor.

Dentes que receberam tratamento de canal, precisam receber o reforço interno proporcionado por este núcleo, que pode ser um núcleo estético em zirconia, de modo a garantir sua resistência e evitar fraturas posteriores.

Quais casos o tratamento de canal não é indicado?

Uma das razões que pode levar ao dentista a considerar que o tratamento endodôntico não é a melhor opção é grau avançado de comprometimento do dente (quando há pouco remanescente da estrutura dental) e infecção do osso e perda óssea. Tudo isso pode ser facilmente diagnosticado com um exame radiológico.

Se um dente estiver severamente comprometido pela cárie ou dente quebrado em um acidente, ou o osso está com infecção, é possível que tenhamos uma estrutura muito fragilizada para suportar a coroa e as forças mastigatórias. Neste caso, a melhor opção seria extrair o dente e repor com implante dentário e uma protese fixa.

implante unitario coroa metal free antes e depois 50kb
Caso em que o dente precisou ser extraído e no lugar foi colocado um implante dentário unitário com coroa fixa metal free

Para alívio de muitas pessoas, em muitos casos a extração e a colocação do implante dentário podem ser realizadas no mesmo dia, até mesmo em Day Clinic – Tratamento intensivo.

O implante dentário com uma coroa metal free é o que mais se aproxima de um dente natural saudável, tanto em função, como em estética. Dessa forma, você não ficará com dentes faltando e o seu sorriso vai ficar muito mais bonito e completo.

O tratamento de canal dói?

A especialidade odontológica que realiza o tratamento de canal é a Endodontia. Com o avanço significativo das técnicas nesta área para favorecer o bem estar do paciente, e os tratamentos tendem a ser muito mais confortáveis para o paciente. Nesse sentido, se você ficou com alguma dúvida sobre tratamento endodôntico, entre em contato conosco ou então agenda uma consulta, presencial ou online, clinicando no botão abaixo.

O que vale mais a pena, fazer canal ou fazer implante no dente ?

O tratamento de canal é um processo que consiste na extração da polpa dentária. Este processo é aconselhado quando a polpa do dente está danificada, mas ainda é possível preservar o dente natural.

Em contrapartida, o implante dentário é um processo que consiste na substituição de um dente perdido por um pino de titânio metálico, que serve como base para a colocação de coroas e próteses dentárias. Este processo é aconselhado quando o dente natural já apresenta um comprometimento estrutural da coroa ou da raiz, ou perda de suporte ósseo.

Ambos os processos têm seus prós e contras, e a escolha entre um e outro deve ser feita em consulta com nosso Especialista, que pode avaliar a sua situação específica e recomendar o tratamento mais adequado. Lembre-se de que a manutenção da saúde bucal é sempre a primeira opção, mas quando indicado, tanto o tratamento de canal quanto o implante dentário são processos seguros e eficazes.

Conclusão

Para quem reside no exterior ou longe da Clínica há a opção da consulta preliminar online. Nesta consulta você poderá esclarecer suas dúvidas à distancia e planejar melhor sua vinda para iniciar seu tratamento. Caso seja para implante dentario, você será atendido por um implantodontista altamente qualificado.

Comments (2)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *