Comprometimento dental pela cárie: fases e tratamentos

A cárie é a principal causa de deterioração dental. O problema é causado por bactérias que, naturalmente habitam o meio bucal, mas que por um desequilíbrio ou falta de higienização bucal adequada, destroem lentamente o esmalte e a dentina.

O ideal é atuar o quanto antes ao localizar uma cárie de modo a evitar que ela fique profunda, podendo necessitar tratamento de canal, ou mesmo avançar para a realização de um implante dentario.

O que é a cárie e como ela pode te levar a perder um dente

As bactérias responsáveis pela cárie dentária são do tipo Streptococcus Mutan. Elas estão naturalmente presentes na boca, porém, existem condições que geram desequilíbrio e essas bactérias passam a ser prejudiciais para a saúde bucal.

A principal condição é a falta de higienização bucal adequada. Escovação insuficiente e deixar de usar fio dental faz com que partículas alimentares fiquem aderidas no esmalte próximo à gengiva e entre os dentes, formando placas e tártaro, especialmente alimentos ricos em açúcar.

As bactérias se proliferam na placa e no tártaro, e o resultado é que, pouco a pouco, ocorre uma desmineralização do esmalte dentário, surgindo manchas brancas e opacas.

O tratamento da cárie depende do estágio em que se encontra o problema. A cárie, sem tratamento, costuma passar por 6 fases, que vão desde o surgimento manchas brancas até a perda do dente.

Fases da cárie dental:
1 – Mancha branca e opaca no dente, que é o primeiro sinal de desmineralização do esmalte – Cárie no dente início.
2 – Mancha escura, indicando a deterioração do esmalte
3 – Cárie profunda, que é quando a deterioração atinge a dentina, a parte interna do dente. Nessa fase, a pessoa sente dor e sensibilidade
4 – Infecção chega à polpa dentária. Nessa fase a pessoa sente dores e sensibilidade com mais frequência.
5 – Abscesso e surgimento de pus
6 – Perda do dente

Tratamentos para cárie dental

Na fase inicial, em que a cárie se apresenta com uma mancha branca e opaca, o dentista orienta o paciente como dar mais ênfase a higiene oral, além de prescrever produtos compostos com flúor para tentar remineralizar ou paralisar a perda de minerais do esmalte dentário.

No consultório dispões de recursos com o mesmo intuito, que vai desde a aplicação de flúor direcionado ou até mesmo realizar um selamento do dente.

Nas fases 2 e 3, o tratamento consiste na preparação do dente (retirada do tecido cariado) e a realização de uma restauração para fechar o buraco da cárie e restaurar o formato do dente.

Muitas vezes o tratamento de canal é o único recurso para manter o dente

Quando a cárie é mais profunda e atinge a polpa dentária, significa que a infecção chegou à área vital do dente, e, portanto, esse tecido precisa ser removido.

O tratamento de canal é recurso mais indicado para os casos em que a polpa dentária está doente ou morta, por causa de cárie que permitiu a entrada de bactérias nessa região tão sensível que deveria estar protegida pelo esmalte e pela dentina.

Como é feito um tratamento de canal?

Passo a passo do tratamento de canal:

  • O local é cuidadosamente anestesiado para que o paciente não sinta desconforto durante o procedimento.
  • Em seguida o cirurgião dentista realiza uma abertura na coroa do dente para acessar a polpa dentária.
  • Através dessa abertura a polpa infectada é retirada, e os canais são cuidadosamente limpos e alargados com uma lima endodôntica muito fina.
  • Após a limpeza e preparo, a abertura do dente é fechada com uma restauração temporária para proteger a região até a próxima consulta.

Na última sessão do tratamento, é feito o preenchimento dos canais e da câmara pulpar, e colocada uma restauração definitiva ou instalação de uma coroa.

O preenchimento dos canais (obturação) é feito com pontas de Guta, mas quando há necessidade de reforço pode-se colocar pinos de metal ou pinos plásticos.

A quantidade de sessões até a finalização do tratamento varia de caso para caso, dependendo da extensão da lesão, do grau de comprometimento da polpa bem como da da quantidade de canais e raízes do dente.

Se houver abcesso, o conteúdo é drenado e o tratamento para combater a infecção é mais cuidadoso.

Coroa dentária para reconstruir um dente deteriorado pela cárie

Os novos materiais e métodos de fabricação utilizados na produção de coroas nos permitem realizar peças muito mais parecidas com dentes naturais, tanto em resistência, como em beleza.

É o exemplo da coroa de porcelana 3D projetada em computador e fabricada em impressora 3D dental.

A coroa pode ser instalada sobre a raiz remanescente com canal tratado, ou então sobre implante dentário – quando o dente precisa ser extraído.

Importante saber que quando há a indicação de tratamento endodontico ( canal ) o dente fica mais frágil internamente, dessa forma, para permitir que o dente ganhe estrutura, é realizado o nucleo intrarradicular, que pode ser metálico, de fibra de vidro ou mesmo de zirconia.

Nesse sentido, o tipo a ser utilizado, dependerá do caso. Dessa forma, o núcleo intrarradicular e a coroa dentaria, após um tratamento endodontico, visam dar longevidade ao tratamento, e minimizar a chance de fratura.

E se o tratamento de canal não for mais possível? Quanto tempo a cárie demora para destruir o dente?

O tempo que a cárie pode levar a perda de um dente é variável, pois depende de cada caso. Abaixo, um exemplo do avanço de uma cárie que culminou na perda de um dente – que já havia sido tratado nos canais – no período de 5 anos.

Então a ausência do dente, neste caso, só pode ser solucionada com a colocação de um implante dentário com uma coroa fixa.

Implante unitário para substituir o dente destruído pela cárie

Na ultima fase da cárie, há uma grande destruição da coroa, mortificação da polpa, e quase sempre só restam as raízes (raiz residual). Neste caso, o dente não pode ser mais tratado e precisa ser extraído.

Mas na maioria dos casos, o implante dentário pode ser realizado no mesmo dia, desde que não tenha uma infecção no osso.

Após a colocação do implante, uma coroa provisória pode ser instalada na região que recebeu o implante dentario. Caso a perda dentária tenha sido na região anterior, ou seja, implante na parte mais visível da arcada, é possivel instalar uma coroa provisória adesiva. Desse modo, o paciente não fica sem dente durante o tratamento.

Implantes dentarios de cicatrização rápida

Hoje dispomos de implantes de cicatrização rápida, indicados para alguns casos (a indicação precisa ser avaliada individualmente). Nesse sentido, podemos citar os implantes da marca Suíça Straumann, que permite osseointegração de 30 dias para a linha de implante dentario Slactive, ou implante dentario Sla Roxolid, que permite cicatrização de 2 meses.

Além destes, há o implante ceramico, da Straumann, único implante dentario que não é feito em titânio, e aliado a coroas Zirconia ou Porcelana Pura, permitem um tratamento sem metal. Após o período de cicatrização inicia-se a elaboração da coroa definitiva, e processo irá depender do tipo de material escolhido.

Haja vista que existem alguns tipos de coroas dentárias, o tempo de conclusão e processo de elaboração irá depender desta escolha. A coroa dentaria pode ser elaborada com projeto digital computadorizado, com uso de modernas tecnologias, ou ainda existem as coroas dentarias de elaboração artesanal, como caso da mais antiga metaloceramica. Conheça as coroas sobre implantes mais modernas, fabricadas por computação gráfica na ImplArt Odontologia:

Coroas estéticas em zircônia e cerâmica aplicada
Zircônia translucida Zolid Multilayer
Coroas de zircônia translucida Zolid Multilayer
Zircônia translucida Zolid Multilayer
Cerâmica E.max (dissilicato de lítio) de alta transluscência

Dentre as principais vantagens desses materiais estão:

Dessa forma, recomendamos que você trate sua cárie, independente da fase em que ela se encontra. Por isso, agende sua consulta e receba um plano de tratamento completo para restabelecer a saúde e a estética do seu sorriso. Primeiramente a consulta de rotina ao dentista, tem a função de cuidar de sua saúde bucal e atuar preventivamente. Nesta consulta, dessa forma, você poderá realizar sua profilaxia, e verificação de toda a arcada dental.

Agende sua consulta ou tire suas dúvidas com a nossa equipe por Whatsapp clicando no botão abaixo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como evitar náuseas ou enjoo no dentista?

Muitas pessoas sentem náusea, ânsia ou enjoo no dentista quando é necessário tocar em sua boc…

Tipos de implantes dentarios disponíveis

Veja este guia completo que elaboramos sobre implantes dentários para ajudar a você a conhece…

Vamos acabar com o mito da prótese de porcelana pesada!

Uma impressão equivocada que algumas pessoas têm em relação as próteses dentárias para implan…

Tratamento com implante dentário rápido com implante Slactive + prótese de zircônia pura ou porcelana pura

É possível realizar meu tratamento com implante dentário rápido e colocar logo a prótese defi…

R. Cincinato Braga, 37 - conj. 112

Bela Vista - São Paulo-SP - Brasil

CEP 01333-011

Copyright ImplArt Odontologia 2009 - 2020

CRO-SP 9993 

Resp. Tec. Dr. Roberto A Markarian CRO-SP 73.583