Alternativa ao implante dentário - Tipos de próteses

Você não quer fazer um implante dentário e procura uma alternativa? A reabilitação oral com implantes dentários pode restaurar o sorriso, devolvendo à pessoa um ou mais dentes perdidos. Mas eventualmente esse procedimento pode não ser indicado para todos os casos. Vamos entender alguns motivos e conhecer as alternativas disponíveis.

Tipos de próteses dentárias

Uma prótese dentária é um dispositivo protético fixo ou móvel, usado para preencher as lacunas deixadas por dentes ausentes.

Uma prótese dentária móvel (removível) pode ser também uma indicação mais adequada para adolescentes cujos ossos ainda estão crescendo.

Existem alguns tipos de pontes dentárias:

Prótese dentária adesiva em resina

Consiste em um dente protético com aletas em ambos os lados. As aletas são fixadas com resina nos dentes vizinhos, ao lado do espaço na boca. Esse tipo de ponte não exige que os dentes laterais sejam preparados ou desgastados, em contraste com o que ocorre em ponte tradicional.

A prótese dentária adesiva pode ser usada para repor um dente perdido. Em geral este tipo de prótese dental é usada como um dente provisório durante a cicatrização de um implante dentário.

Prótese dentária fixa sobre dentes

A prótese dentária fixa é composta normalmente por três elementos dentários, sendo o primeiro e o ultimo suportados em dentes a o elemento central é pôntico, a qual preenche o espaço deixado pela ausência de um dente.

A prótese fixa pode ser fabricada em zircônia pura computadorizada, porcelana com estrutura de zircônia ou porcelana com metal estrutural (metalocerâmica).

Esse tipo de ponte dentária em porcelana é considerado mais resistente do que as próteses adesivas coladas com resina.

Uma desvantagem da próteses dentárias fixas é que não apresentam separação entre os dentes e portanto não permitem a higienização com fio dental tradicional.

Outra desvantagem é que a fabricação da prótese dentária fixa exige preparo (desgaste) dos dentes pilares laterais para suporte da ponte.

Por isso em caso de dentes vizinhos ao espaço que sejam saudáveis, esta prótese em geral não é usada, sendo melhor indicado um implante dental convencional, pois o implante odontológico não interfere nos vizinhos.

Prótese dentária fixa metalocerâmica para 3 dentes. Observe o metal estrutural (parte escura) e o revestimento com porcelana.

Prótese dentária com dente suspenso sem apoio (cantilever)

Algumas vezes é possível fazer uma prótese dentária fixa para apenas um dente, preso em apenas um dente vizinho.

Dessa forma, o dente artificial é suspenso (pôntico) apenas de um lado e utiliza outro natural como apoio, ou seja, o dente a ser reposto ficará suspenso com apoio apenas em um dente lateral.

Fazer uma prótese dental fixa em um dente apenas, exige preparo do dente pilar adjacente e anexa-se o dente pôntico (suspenso).

Esta solução de prótese com pôntico suspenso não é bem indicada em todos os casos pois ao ter só um apoio pode forçar e comprometer o dente de apoio.

Há duas indicações clássicas para este caso: Dente incisivo central superior, com incisivo lateral suspenso / Dente canino superior ou inferior, com incisivo lateral suspenso

Na prótese fixa com pôntico suspenso, um dente serve de apoio e precisa ser desgastado com essa finalidade.

Próteses dentárias parciais removíveis

A prótese dentária removível (PPR) é um recurso para suprir a falta de alguns dentes, sendo considerada também uma alternativa ao implante dentário mais barata.

Em uma PPR, os dentes que substituirão são afixados a uma base cor de gengiva e depois será presa aos dentes naturais.

A fixação da prótese dentária removível pode ser feita por grampos metálicos ou no caso de prótese parcial flexível, não há partes metálicas o que torna a prótese muito mais cômoda e estética.

Próteses completas (dentaduras) são necessárias no caso em que todos os dentes estão faltando. Quando utilizamos implantes dentais, podemos realizar uma dentadura fixa.

A prótese dentária flexível não possui grampos metálicos e é mais confortável para o paciente
Esquema de funcionamento de uma prótese dentária removível com estrutura e grampos de metal.

Vantagens das próteses dentárias removíveis

  • Custo mais acessível do que implantes dentários
  • Tratamento mais rápido

Desvantagens da prótese dentária removível

  • Não é capaz de paralisar a reabsorção óssea (perda óssea) pela falta de raízes dentárias. Em contrapartida, os implantes modernos fazem o papel de uma raiz e em geral preserva o volume ósseo.
  • Por consequência da perda óssea, há também um remodelamento gengival
  • Pode ser necessário troca-la depois de um tempo
  • apresentam grande mobilidade na boca
  • são volumosas na boca e incomodam algumas pessoas.
  • Nem sempre a estética fica ideal com as próteses móveis.

Quanto custa uma prótese dentária?

O preço de uma ponte dentária pode variar de acordo com o número de elementos dentários, da técnica empregada e dos materiais utilizados. Portanto, para saber o preço é necessário passar em uma consulta presencial para avaliar a melhor indicação.

Como é o tratamento com prótese dentária

Na consulta, além de examinar todo o estado geral da boca, o dentista verifica quantos dentes precisam ser repostos e logo depois apresenta as opções de próteses para solucionar o problema.

No caso de uma ponte dentária fixa, na primeira sessão é realizado o preparo dos dentes adjacentes, o que consiste na remoção do esmalte e realização de um desgaste.

Em seguida é realizado um escaneamento dos dentes preparados (molde digital sem massa).

O paciente utiliza uma prótese dentária provisória enquanto a definitiva é fabricada.

Nesse meio tempo, realizamos a ponte definitiva de acordo com o escaneamento e planejamento computadorizado em nosso laboratório de prótese digital próprio.

Em alguns casos, são necessárias algumas consultas para realizar provas para ajustes de forma e cor, no decorrer das fases de confecção da ponte definitiva.

A última sessão é agendada para cimentação da ponte definitiva.

O paciente recebe orientações para os cuidados diários, bem como voltar o consultório para realizar manutenção periódica.

Cuidados e manutenção de próteses dentárias

Com cuidados diários e visitas periódicas ao dentista para manutenção, as pontes podem durar vários anos. Os cuidados com uma ponte permanente não são muito diferentes do que com dentes permanentes, realizando a escovação pelo menos três vezes ao dia com creme dental com flúor, usando escova de cerdas macias. Uma escova interdental e uso de fio dental ajuda na limpeza entre os dentes.

Se você ficou com alguma dúvida sobre alternativa ao implante dentário, entre em contato conosco ou então agende sua consulta. Venha nos conhecer!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright ImplArt Odontologia 2009 - 2020

CRO-SP 9993 

 

R. Cincinato Braga, 37 - conj. 112

Bela Vista - São Paulo-SP - Brasil

CEP 01333-011