Bruxismo: como lidar e tratar com o ranger de dentes?

O bruxismo se caracteriza pelo ranger involuntário dos dentes. O bruxismo poderá causar problemas estéticos e funcionais aos dentes do paciente e também à articulação da boca.

O bruxismo tem tratado e controlado

Dentes rangendo e barulhos na boca durante o sono são sinais de bruxismo, um problema funcional oral que pode ser causada por fatores emocionais, problemas físicos e outras razões. O hábito de ranger os dentes normalmente ocorre durante à noite, quando a pessoa está dormindo e portanto não consegue ter controle das forças utilizadas.

Esta parafunção atinge homens, mulheres e até mesmo crianças com dentição de leite, mista ou permanente. Não existem causas específicas para o aparecimento do bruxismo, mas estudos apontam que o fatores emocionais podem piorar o problema. Além disso, disfunção e sobrecarga dos músculos mastigatórios, disfunção na articulação temporomandibular, estresse físico, interferência oclusal, patologias das vias aéreas superiores e perdas dentárias ajudam a agravar o bruxismo.

Durante o sono, as pessoas com bruxismo realizam movimentos rítmicos, que lembram a mastigação, durante períodos longos de contração dos músculos mandibulares. Esse esforço utiliza as forças máximas de contrações e dessa maneira pode trazer fadiga e dor muscular. Os principais sintomas e problemas que podem surgir decorrentes do bruxismo estão:

  • Desgaste dos dentes (foto)
  • Rachaduras e fraturas nos dentes
  • Destruição das estruturas de suporte dos dentes (osso e gengiva)
  • Retração gengival e dentes sensíveis
  • Dores na musculatura facial e nas articulações têmporo mandibulares
  • Disfunções de ATM (articulações têmporo mandibulares)
  • Má oclusão dentária
  • Dores de cabeça, no ouvido ou pescoço

Tratamentos para o bruxismo dental

O tratamento deve ter como base a redução da tensão emocional e dos sinais e sintomas. O mais comum para aliviar a disfunção da articulação temporomandibular é o uso de placas interoclusais de acrílico, também conhecidas como placas miorrelaxantes. Elas são utilizadas pelo paciente durante o sono e amortecem e protegem os dentes do desgaste provocado pela movimentação.

O botox também pode ser usado para diminuir os efeitos do bruxismo em pacientes diagnosticados.

Além das placas, terapias psicológicas e sessões de fisioterapia podem se associar ao tratamento do bruxismo. Em casos de anormalidade da mordida (má oclusão dentária), podem ser indicadas correções dos dentes com tratamento ortodôntico ou restaurações das coroas. Nos casos em que houve desgaste dos dentes, o remodelamento com resina composta ou aplicação de lentes de contato dental podem ser indicados para refazer os dentes.

Porém deve se ter em vista que é preciso controlar a doença para que não haja fratura das restaurações. Se você ficou com alguma dúvida, entre em contato através de um dos canais abaixo ou então agende uma consulta conosco. Hoje em dia as placas para bruxismo podem ser executadas em nosso laboratório de prótese dentária por métodos computadorizados 3D.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright ImplArt Odontologia 2009 - 2020

CRO-SP 9993 

Resp. Tec. Dr. Roberto A Markarian CRO-SP 73.583

 

R. Cincinato Braga, 37 - conj. 112

Bela Vista - São Paulo-SP - Brasil

CEP 01333-011