Tag: essa

Sorriso gengival tem tratamento

O sorriso gengival caracteriza-se pelo tamanho ou exposição exagerada das gengivas em relação ao tamanho dos dentes.

Apesar de não representar risco para a saúde, essa condição pode comprometer a estética do sorriso, deixando algumas pessoas retraídas ao sorrir e falar, e em alguns casos até mesmo atrapalhar seu relacionamento social. Existem várias causas do sorriso gengival, por exemplo:

  • Hereditariedade
  • Lábio curto
  • Inflamações da gengiva
  • Problemas no processo da erupção dentária
  • Freio labial denso
  • Musculatura facial deficiente
  • Excesso de tecido gengival sobre a coroa dentária
  • Face alongada

A forma de tratamento do sorriso gengival depende do grau e causa. Em casos mais leves, essa condição pode ser facilmente solucionada com a técnica da Gengivectomia, que consiste na retirada cirúrgica do excesso de tecido gengival sobre os dentes. A cirurgia é realizada com anestesia local e a recuperação é relativamente tranquila.

A cicatrização ocorre normalmente entre 7 e 14 dias, e a colaboração do paciente nesse período é bastante importante. Além disso também pode ser feito o recontorno dos dentes com resina para torná-los mais proporcionais em relação ao tamanho da gengiva. Em alguns casos, a toxina botulínica pode ser indicada para diminuir a contração muscular e reduzir a exposição da gengiva quando o paciente sorri.

A aplicação da toxina precisa ser repetida periodicamente para que se mantenha o efeito. Apenas em casos em que o sorriso gengival é causado por problemas ósseos (considerado mais complicado), além da gengivectomia também pode ser necessário realizar cirurgia ortognática.

1-Aspecto do sorriso gengival e dentes curtos, 2-Resultado após uma gengivectomia e recontorno dos dentes com resina.

Agende uma consulta e conheça a ImplArt Odontologia bem como nossa equipe especializada. Ficaremos felizes em atendê-lo!

Fatores de risco para periodontite

A periodontite é a principal causa de perda de dentes em adultos

Você sabe quais são os fatores de risco para periodontite? A periodontite é uma doença crônica de origem bacteriana que manifesta uma série de condições inflamatórias que afetam os tecidos gengival e ósseo que torno dos dentes. É a principal causa de perda dentária, principalmente em adultos.

As bactérias presentes na placa que se acumula na superfície dentária são responsáveis pela inflamação dos tecidos. Inicialmente causam inflamação das gengivas (gengivite). Em casos moderados surgem bolsas periodontais, que é quando a gengiva perde aderência e adquire o formato de bolsa.

As bolsas periodontais abrem espaço para atividade bacteriana na região abaixo da gengiva causando inflamação assim como deterioração dos tecidos de sustentação dos dentes (cemento, ligamento periodontal e osso).

Essa condição quase sempre leva à mobilidade e perda dos dentes. Existem alguns fatores de risco para o surgimento e agravamentos dessas doenças, por exemplo:

Acúmulo de placa bacteriana, alto risco para periodontite

A placa bacteriana é um filme viscoso e transparente que se forma nos dentes, próximo à linha da gengiva. As toxinas liberadas pelas bactérias inflamam e irritam a gengiva, que pode ficar vermelha e sangrar. O tártaro é quando essa placa se torna endurecida (cálculo de cor amarelado ou esbranquiçado) e só pode ser removida por profissional. Quando a gengiva fica frouxa, expõe a raiz e poderá haver acúmulo de cálculo nessa região. A atividade bacteriana nessa região leva a deterioração gradual do osso em torno do dente.

Medicamentos

Alguns medicamentos podem interferir na saúde bucal e favorecer o surgimento de doença periodontal ou dificultar a sua cura. As principais classes desses medicamentos são: anticoncepcionais, antidepressivos, anticonvulsivos, anti-hipertensivo, alguns utilizados para tratamentos de problemas cardiovasculares e medicamentos para evitar rejeição de órgãos em transplantados. É importante que o paciente comunique ao dentista qualquer medicamento que esteja tomando.

Baixa imunidade

O paciente nessa condição, na maioria dos casos em decorrência da AIDS ou da quimioterapia, tem mais dificuldade de responder a processos infecciosos e dessa maneira são mais suscetível ao avanço da doença periodontal.

Diabetes e periodontite

O diabetes pode causar dificuldade de cicatrização, alterações da circulação sanguínea e a queda da imunidade. O paciente diabético tem mais chance de sofrer com periodontite do que o não portador da doença.

Saiba mais sobre substituição de dentes com doença periodontal por implantes

Maus hábitos e condições funcionais

Fumo – o fumo diminui a vascularização e consequentemente a oxigenação das células. Essa condição dificulta a resposta que o organismo deve ter sobre qualquer foco de infecção. Além disso, dificulta processos cicatriciais e reduz a salivação (fundamental para remover e combater bactérias nos dentes). Leia mais sobre os males do cigarro para os dentes e saúde bucal.

Nutrição deficiente – a falta de ingestão de variados nutrientes, como a vitamina C, pode diminuir a resistência imunológica e favorecer infecções orais.

Higienização oral precária – É um relevante risco para periodontite. A correta escovação é a melhor forma de remover resíduos alimentares que eventualmente ficam aderidos aos dentes e gengivas. O acúmulo desses resíduos serve de “alimento” para as bactérias. Alem da correta escovação, é recomendado o uso do fio dental e enxaguantes antissépticos.

Deixar de visitar o consultório odontológico regularmente – as visitas são fundamentais para identificação de problemas em estágio inicial e para realização de limpeza profissional profilática.

Bruxismo – o hábito de ranger e apertar os dentes podem acelerar o processo de destruição das estruturas óssea e gengivais com doença periodontal ativa.

Má oclusão e dentes tortos – condições que podem favorecer o acúmulo de resíduos alimentares nos dentes e dessa forma dificultar a sua remoção.

Causas emocionais

Estresse – O indivíduo estressado pode ter alteração na resposta imunológica diante de quadros infecciosos. A tensão também pode favorecer o bruxismo.

Fatores genéticos

Existem pessoas que tem predisposição genética a ter doença periodontal, ainda que mantenha bons hábitos de higiene oral e visitando regularmente o dentista. É possível fazer um teste para encontrar o marcador genético que influencia a periodontite.

Fatores hormonais

Gravidez – Durante a gravidez há alteração hormonal intensa e o organismo da mulher pode demorar a responder diante de quadros infecciosos. Além disso, existem estudos que demonstram que periodontite podem influenciar num parto prematuro.

Puberdade e menopausa – Como ocorre por exemplo na gravidez, a puberdade e a menopausa são fases de intensas mudanças hormonais que podem deixar o organismo mais suscetível a infecções.

Periodontite deve ser tratada e controlada

Então conheça a ImplArt Odontologia com estrutura e equipe especializada. Agende uma consulta, ficaremos felizes em recebê-lo!

Prótese Dentária e Implante Dentário para o Idoso

A necessidade implantes em idosos, assim como outros tratamentos odontológicos, ocorre com frequência nessa faixa etária. Por exemplo, reabilitação oral e reabilitação com prótese dentária fixa, restauração de dentes cariados, controle de doença periodontal, implante dentário, entre outros tratamentos para idosos.

Atendimento odontológico especializado para o idoso

A ImplArt Odontologia preza pelo bom atendimento oferecendo serviços odontológicos humanizados de qualidade, com conforto e agilidade. Toda a estrutura da clínica odontológica é pensada nesse sentido, e para o paciente idoso essa atenção não poderia deixar de ser ainda mais especial.

E como anda a saúde geral do idoso?

Antes de iniciar qualquer tratamento odontológico, nossa equipe realiza um checkup odontológico e leva em conta o histórico de saúde do paciente idoso, hábitos e medicação de uso contínuo.

O mais importante é saber como anda a saúde geral desse idoso. Caso não existam problemas de saúde importantes o idoso é considerado um paciente normal para fazer um implante dentário. A cicatrização esperada de um implante dentário para um paciente mais velho é igual a uma pessoa jovem.

A ImplArt possui estrutura especializada que permite que as cirurgias odontológicas sejam executadas de forma minimante invasivas. A cirurgia para colocação de implantes em idosos, por exemplo, pode ser guiada por computador, o que evita cortes. Se eventuais enxertos ósseos também precisarem ser feitos, vamos optar por uma técnica menos invasiva de enxerto.

Em casos de idosos com saúde mais delicada e que precisem de tratamento odontológico, podemos realizá-lo em ambiente hospitalar, no Hospital Oswaldo Cruz, localizado em frente a nossa clínica odontológica. A idade do idoso em si não é um fator impeditivo ou restritivo ao tratamento dentário.

implante dentario em idoso
O implante dentario em idoso é possível e ajuda muito na saúde por auxiliar na correta mastigação

Planejamento de implantes dentários em idosos

A prótese fixa com implantes pode melhorar a qualidade de vida do idoso, principalmente aquele que usa dentadura que machuca e atrapalha na mastigação.

O conforto na mastigação oferecido por uma prótese fixa sobre implantes favorece a alimentação adequada de nutrientes importante para manutenção da saúde.

A atenção especial ao idoso se deve ao fato de que, em alguns casos, o paciente também pode ser portador de outros problemas de saúde, como pressão alta, diabetes, problemas cardíacos ou mobilidade reduzida. Isso exige atenção da equipe odontológica, por isso o tratamento odontológico é feito com o conhecimento do(s) médico(s) que o acompanha.

As incisões são feitas apenas no local onde vão ser colocados os pinos, evitando assim, cortes desnecessários na gengiva. Para o paciente essa técnica representa pouca ou nenhuma dor e sangramento durante a cirurgia, além de uma recuperação mais rápida, sem edemas no pós-operatório e considerável redução do risco de infecções. 

Estrutura completa para implantes em idosos e para outros tratamentos odontológicos

A estrutura da ImplArt Odontologia também conta com um laboratório de prótese próprio, centro radiológico digital, ultrassom cirúrgico e os sistemas computadorizados para projeção e execução de próteses e restaurações (sistemas Cerec e 3Shape).

Toda essa tecnologia permite que o tratamento completo seja feito com muita agilidade, em alguns casos em tempo reduzido pelo Day Clinic. Nosso espaço tem boa acessibilidade, oferecendo conforto para pacientes com mobilidade reduzida.

Conheça a ImplArt, a melhor clínica odontológica do Brasil segundo o GCR.

Venha nos fazer uma visita e confira nossa estrutura diferenciada que oferece toda comodidade e agilidade para o paciente na melhor idade. Agende agora mesmo uma consulta com a nossa equipe especializada para saber preço, valor e a melhor técnica para seu caso:

Cerec 3D – novos dentes com preservação de formatos

No Sistema Cerec 3D é possível projetar e confeccionar uma prótese dentária a partir do zero, como também é possível fazer novos dentes de acordo com uma cópia idêntica de um dente natural, de uma coroa antiga ou de uma prótese provisória.

Essa é uma facilidade para o paciente quando ele, por exemplo, gosta e está acostumado com o formato de uma prótese dentária que já usa. Entretanto gostaria de substituí-la por uma com material de melhor qualidade ou por uma mais bonita quando há alteração de cor da prótese antiga.

É uma maneira de garantir a satisfação do paciente, já que está acostumado com o formato da prótese, funcional e esteticamente no conjunto do seu sorriso.

O scanner intraoral do Cerec 3D capta a imagem da prótese provisória, da coroa antiga ou do dente natural. Gera um molde digital no computador e envia o comando para unidade de usinagem para que seja esculpida uma nova prótese com formato idêntico.

A cópia do formato da prótese antiga ou de um dente natural para novos dentes também pode ser feita em Day Clinic com rapidez e comodidade, em alguns casos até mesmo em poucas horas ou dias.

Essa é mais uma tecnologia que a ImplArt Odontologia oferece aos seus pacientes. Agende uma consulta e conheça a nossa estrutura e equipe especializada. Ficaremos felizes em procurar solucionar o seu caso!

Copyright ImplArt Odontologia 2009 - 2020

CRO-SP 9993 

 

R. Cincinato Braga, 37 - conj. 112

Bela Vista - São Paulo-SP - Brasil

CEP 01333-011